Diário
Quinta 10 de Outubro, 2019
A Medicina da Rosa
Cada vez mais maravilhada com o quanto as rosas me têm a dar... a minha conexão, os seus dons, a nossa cumplicidade numa relação cada vez mais íntima.
Neste momento as minhas grandes aliadas no meu trabalho pessoal, mas não só... ajudam-me nas massagens que dou, nas terapias e noutros rituais de cura.
A Medicina da Rosa é muito especial e gradualmente descubro que Ela vive em mim. (E talvez sempre viveu sem eu saber)
Fala-me ora em jornadas meditativas, pinturas criativas ou simplesmente através de sonhos.
Penetra-me o seu aroma medicina sempre que as levo para os banhos de imersão, de assento ou nas vaporizações.
Mas também quando as convido a fazer parte dum ritual de chá de pétalas de rosas.
Ou então quando se oferecem para criar um óleo medicinal para uma mulher necessitada da sua Medicina.
A sua consciência está sempre comigo em qualquer trabalho... invoco-a e sinto-a em mim.
Crio espaço e permito que a Medicina da Rosa faça o seu trabalho por si mesma.
Ela forte e delicada.
Doce e firme.
Sabe colocar fronteiras, mas também criar espaço para a liberdade.
Ama, ama muito... mas sabe que antes de amar o outro, o amor começa por si bem para dentro.
E a sua compaixão não tem fim, trepando por caminhos nada fáceis se for necessário.
Cura o coração ferido... e traz harmonia ao coração do ventre.
Os aromas levam-nos a um outro mundo... cheio de magia, encanto e cores.
De mãos dadas e se for necessário ao seu colo conduz-nos às partes desintegradas de nós mesmas.
Faz-nos abraçar a nossa criança Interior e a trazer a alegria, inocência e leveza à nossa vida.
É aventureira... instintiva... selvagem... mas também maternal e cuidadora.
A sua beleza não cabe nas nossas mãos e nem no nosso coração... imensamente grande de dentro para fora!
Nela vive o Feminino e dança as suas cores nas suas delicadas e doces pétalas.
A La La Oh!
Escreve um comentário
Por favor indica o teu primeiro nome
Por favor indica o teu último nome
Por favor indica o teu Email
Por favor indica o assunto
Por favor indica o teu comentário
*Campos Obrigatórios